Search
quinta, 24 de setembro de 2020
  • :
  • :

Igreja Matriz de Iconha retorna com celebrações presenciais nesse fim de semana

Igreja Matriz de Iconha retorna com celebrações presenciais nesse fim de semana

Depois de quase seis meses, devido a pandemia do Novo Coronavírus, a comunidade Matriz de Iconha vai retomar com a celebrações presenciais no próximo fim de semana (12 e 13/09). A comunidade, junto com a paróquia, já estava há quase 1 mês se reunindo para montar os protocolos e garantir a segurança da comunidade.

A primeira medida, a fim de evitar aglomeração, será a realização de 03 missas a cada fim de semana, sendo que só será permitida a presença de 74 pessoas por cerimônia. A coordenação da comunidade destacou que uma Missa será realizada no sábado à noite, às 19h, e as outras duas no domingo, às 07h e às 19h. Diversas equipes de apoio foram montadas para acolher os fiéis que devem estar usando máscara, e respeitar o distanciamento de acordo com as indicações que foram afixadas em cada banco. Na entrada, equipes realizarão a acolhida, higienização com álcool e condução ao local para acomodação.

Os fiéis que desejarem participar das celebrações na Matriz, deverão agendar um dos horários através do número (28) 99937-9042 sempre às quintas e sextas-feiras. Pessoas com sintomas gripais: a recomendação é para que fiquem em casa. Os idosos e os pertencentes ao grupo de risco, a orientação é que acompanhem as Missas pelo Canal da Paróquia no Youtube. Mas, caso essas apresentem boas condições de saúde e desejem participar das Missas presenciais, não serão proibidas de entrar.

“Vamos retomar as atividades aos poucos. O tempo é de cuidado. A Igreja é sobretudo expressão do cuidado. Agora que o nosso município está em risco baixo e com números bastante amenos para contaminação, discernimos e entendemos que podemos retomar, não como antes, mas com um novo normal. Queremos pedir ao povo muita compreensão”, frisou Vanderleia Veronez, coordenadora da Comunidade Matriz.

Quanto aos sacramentos, como Batismo, Eucaristia, etc… permanecem suspensos, até novas orientações.

Fonte: Vinicius Figueira