Search
quinta, 18 de abril de 2019
  • :
  • :

Ouça a Rádio Iconha FM

ESPORTE CAPIXABA

FUTEBOL NA RÁDIO ICONHA

Abertura de lojas em comércio capixaba foram retomadas em 2018

Abertura de lojas em comércio capixaba foram retomadas em 2018

Estabelecimentos comerciais voltam a abrir após três anos tendo um número maior de encerramentos

O Espírito Santo apresentou no ano de 2018 um ponto de reversão na trajetória após três anos mostrando o encerramento das atividades nos estabelecimentos comercias com vínculos empregatícios. Apesar de ser um ano repleto de desafios, o comércio capixaba mostrou um número maior de aberturas que de fechamentos de lojas, acompanhando o movimento do volume de vendas do comércio.

Com avanço de 7,8% nas vendas de janeiro a novembro em relação ao ano de 2017, o ano de 2018 marcou o início da recuperação do setor não apenas do ponto de vista do volume de vendas, mas também do número de lojas e do nível de ocupação. Cabe ressaltar que o comércio foi um dos setores que impulsionou o mercado de trabalho capixaba em 2018, criando 3.628 empregos com carteira assinada no ano.

Segundo o presidente da Fecomércio-ES, José Lino Sepulcri, “o ano de 2019 será de crescimento”. As pesquisas apontam que os empresários estão mais confiantes, o que deverá contribuir para a retomada dos empregos e dos investimentos. “O setor ainda não recuperou totalmente as perdas dos anos de crise, mas, voltou a crescer e obter resultados positivos importantes”, conta.

Brasil 2018

Em todo o país o saldo entre aberturas e fechamentos de estabelecimentos comerciais geradores de trabalho contabilizou um incremento de 8.100 lojas em 2018. Das 27 unidades da federação, 15 registraram saldo positivo, com destaque para os Estados de São Paulo (+3.883) e Santa Catarina (+1.706). Por outro lado, o Rio de Janeiro (-997) foi responsável pela maior parte dos encerramentos. Ainda longe de reverter as 223 mil lojas eliminadas durante a crise, o país voltou a apresentar abertura de lojas, após três anos registrando mais fechamentos que aberturas de lojas.

Segmentos

No Brasil, a abertura de lojas ocorreu em oito dos dez segmentos do varejo. Dentre os principais segmentos, os hiper e supermercados se destacaram positivamente em números absolutos (+4.510), seguidos pelas lojas de utilidades domésticas e de eletrônicos (+1.747) e pelas drogarias, farmácias e cosméticos (+1.439). Por outro lado, estabelecimentos especializados na venda de materiais de construção foram os que mais fecharam as portas no ano (-926).

Nota Técnica

O levantamento sobre abertura e fechamento de estabelecimentos comerciais é realizado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), em âmbito nacional, com dados para todas as unidades de federação. Os dados são baseados nas estatísticas de movimentação do CAGED/MTE. A análise dos dados do Espírito Santo foi realizada pela Assessoria Econômica da Fecomércio-ES.

COMENTÁRIOS
COMPARTILHE...
Share on Facebook
Facebook
Email this to someone
email
Tweet about this on Twitter
Twitter



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.