Search
segunda, 27 de janeiro de 2020
  • :
  • :

Sicoob ES não vai cobrar nova tarifa do cheque especial

Sicoob ES não vai cobrar nova tarifa do cheque especial

Além disso, a Cooperativa irá reduzir as taxas de juros desta modalidade de crédito, que poderão chegar a 2,39% a.m.

O Sicoob ES decidiu não cobrar dos associados a nova tarifa de até 0,25% ao mês sobre o limite não utilizado do cheque especial. A instituição financeira cooperativa ainda irá reduzir as taxas para quem precisa usar o valor disponível. O Banco Central permitiu a taxação a partir desta semana.

De acordo com a resolução do Conselho Monetário Nacional (CMN), as instituições financeiras poderão praticar a com novos clientes. Para os correntistas atuais, a medida começa a vigorar em 1° de junho próximo.

Nenhum dos associados ao Sicoob vai ser afetado pela resolução, afirma o diretor-executivo da instituição no Espírito Santo, Nailson Dalla Bernadina. Segundo o executivo, a instituição dará descontos para os cooperados que precisarem entrar no limite, conforme a movimentação que fazem. Ainda no primeiro trimestre de 2020, será possível ter cheque especial a partir de 2,39% a.m., assegura. 

As novas regras para o cheque especial foram definidas pelo Banco Central em novembro último. De acordo com a resolução, quem tiver limite de até R$ 500,00 no cheque especial e não fizer uso dele não paga a tarifa. As instituições financeiras estão autorizadas a cobrar 0,25% sobre o total disponível que exceder esse valor – mesmo sem usá-lo.

O Banco Central limitou a tarifa do cheque especial a 8% ao mês. No Sicoob ES, o máximo praticado atualmente é de 6,97%. “Sempre praticamos taxas mais baixas do que as permitidas pelo Banco Central, e orientamos as pessoas para que façam a comparação de custos com outras instituições, porque temos compromisso com a educação financeira da população”, disse Bernadina.